Você está aqui: Capa » Colunas » Palavra Pastoral » JESUS, O VERBO DE DEUS

JESUS, O VERBO DE DEUS

Em Jesus, Deus se vestiu de pele humana. Em Jesus, o mistério da encarnação trouxe Deus para dentro da nossa história. Em Jesus vemos a face de Deus, pois Jesus é o intérprete de Deus, a exegese de Deus, o Verbo de Deus. Jesus veio para revelar Deus. Ele mesmo é Deus. Ele e o Pai são um. Quem vê a Jesus, vê o Pai. O apóstolo João, no prólogo do seu evangelho, abre as cortinas, acende a luz no palco da eternidade e mostra o Verbo da vida, dizendo: “No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus” (Jo 1.1). Dessa passagem sublime destacamos três verdades benditas:

1. Jesus é o Verbo de Deus porque possui os mesmos atributos da divindade - João diz: “No princípio era o Verbo …”. Jesus é o Verbo eterno de Deus. No princípio o Verbo já existia. O Verbo não teve início. Ele é antes do início. Ele é o Pai da eternidade. Na verdade todas as coisas vieram a existir por intermédio dele. “Todas as coisas foram feitas por intermédio dele, e, sem Ele nada do que foi feito se fez” (Jo 1.3). O Verbo de Deus é eterno. Ele está fora do tempo e além do tempo. Ele é transcendente sem deixar de ser imanente. O Verbo de Deus não é apenas eterno, mas também, o criador do tempo. Foi ele quem no princípio trouxe à existência as coisas que não existiam. O Verbo de Deus não é um ser inferior a Deus. Ele é da mesma essência de Deus. Ele é Deus de Deus, Luz de Luz, co-igual, co-eterno e consubstancial com o Pai. Ele possui não apenas o atributo de eternidade, mas também de onipotência, uma vez que foi o agente da criação. Ele criou tudo do nada. Criou os mundos estelares, o vastíssimo e insondável universo com seus bilhões de estrelas. Aquela criança deitada na mangedoura em Belém é o maior mistério da história, a própria encarnação da divindade. Jesus é Deus entre nós. Ele é o Emanuel!

2. Jesus é o Verbo de Deus porque possui íntima relação com Deus desde a eternidade - O apóstolo João continua: “… e o Verbo estava com Deus…”. Jesus não é apenas eterno, mas também pessoal. Ele não é uma energia; ele é uma pessoa que estava com Deus antes do início de todas as coisas. Na eternidade o Verbo estava face a face com Deus, em plena comunhão com Deus. Antes dos fundamentos da terra serem lançados, antes das estrelas brilharem nos céus, antes do sol refletir os seus raios de luz cheios de calor e vida, antes dos anjos ruflarem suas asas, o Verbo de Deus já desfrutava de plena intimidade com o Deus Pai. A Trindade excelsa em comunhão de amor, pelo desenrolar dos tempos eternos, antes do princípio, vivia em perfeita harmonia. O Filho eternamente gerado do Pai e o Espírito eternamente procedente do Pai e do Filho habitavam a eternidade e eram perfeitos e completos em si mesmos em bendita, santa e feliz comunhão.

3. Jesus é o Verbo de Deus porque ele mesmo é Deus - João conclui: ” … e o Verbo era Deus”. O Verbo não é apenas eterno e pessoal; é também divino. O Jesus de Nazaré, não é apenas um grande homem ou um espírito iluminado. Ele é o criador dos homens e a Luz do mundo. O meigo rabi da Galiléia não é apenas um profeta especial, ele é aquele para quem os profetas apontaram o Messias de Deus, o Salvador do mundo. O infante de Belém não nasceu apenas para ser o rei dos judeus, mas ele é o Rei dos reis e o Senhor dos senhores, diante de quem todos os joelhos se dobram nos céus, na terra e debaixo da terra. Jesus não é apenas uma divindade entre os muitos deuses dos povos. Ele é o Deus bendito, que se fez carne e habitou entre nós, cheio de graça e de verdade. Os deuses dos povos são ídolos mortos, criados pela imaginação dos homens, mas Jesus é o Deus vivo e soberano, que por amor a nós se encarnou. Para cumprir o propósito eterno do Pai veio ao mundo e se entregou na cruz para nos resgatar do pecado, da morte e do inferno. Jesus é o onipotente Deus que venceu a morte, está àdestra do Pai, reina absoluto no universo e voltará em glória para buscar-nos, a fim de reinarmos para sempre.

Este artigo foi visualizado: 967 vezes

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Scroll To Top